Sábado, Julho 13, 2024
InícioSAÚDEHospital de Base é destaque no XXV Congresso Brasileiro das Ligas do...

Hospital de Base é destaque no XXV Congresso Brasileiro das Ligas do Trauma

Cerca de 500 participantes, entre médicos, estudantes e residentes em medicina, participam até amanhã (3) da 25ª edição do maior evento sobre trauma no Brasil, o Congresso Brasileiro de Ligas do Trauma. Divido em três áreas temáticas – relato de caso, relato de experiência e temas livres –, o congresso é uma realização do Comitê Brasileiro das Ligas do Trauma (CoBraLT) em parceria com a Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT), com foco no público acadêmico e nas ligas acadêmicas.

Wellington Santos, cirurgião de trauma do Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) e integrante da comissão de organização do congresso, comemora a realização desta edição do CoLT em Brasília, quando pode-se demonstrar o trabalho realizado na unidade hospitalar para profissionais de todo o país. “Estamos nesses três dias debatendo temas voltados ao trauma, principalmente em relação à prevenção no Brasil”, disse. Santos apresentará a palestra “Pitfalls no trauma cardíaco e de grandes vasos”, que integra a grade sobre trauma cervical e torácico, e que será moderada por Rodrigo Caselli, cirurgião do trauma do HBDF.

Cerca de 500 participantes, entre médicos, estudantes e residentes em medicina, participam da 25ª edição do evento | Foto: Davidyson Damasceno/IgesDF

Casseli, por sua vez, participou da abertura do evento na quinta (1º), no auditório da Fepecs, abordando o tema “HBDF – o gigante da capital e sua história no atendimento ao trauma”, e apresentou no segundo dia a importância do trabalho em equipe com a palestra “Time de trauma, quem, como e quando?”. Ele explica que “o CoLT é um espaço destinado àquelas pessoas que trabalham e vivem a cirurgia do trauma. Alunos, profissionais, médicos, cirurgiões do trauma, enfermeiros, fisioterapeutas, socorristas, todos que estão envolvidos para combater a doença do trauma e lutar para salvar vidas. Esse é o cenário que a gente traz a Brasília, com palestrantes nacionais e internacionais para discutir o cuidado ao paciente traumatizado”.

“O HBDF é referência no serviço de trauma e conta com profissionais muito qualificados, é justo o destaque da unidade hospitalar. Além disso, parabenizo a organização pela 25ª edição de uma atividade para o compartilhamento e atualização de conteúdo de extrema relevância para os profissionais da área, sabendo, sobretudo, que reforça a melhoria dos serviços prestados à população”Juracy Cavalcante Lacerda Júnior, presidente do IgesDF

Representando a diretoria do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (IgesDF), Emanuela Ferraz, diretora de Ensino e Pesquisa, celebra a realização do evento em Brasília e reforça a importância de ações que disseminem informações e atualizem os profissionais de áreas específicas. “Apoiamos nossos colaboradores, incentivadores da área da pesquisa e do ensino, não apenas os profissionais do HBDF, mas todos os envolvidos na realização do XXV Congresso Brasileiro das Ligas do Trauma”, afirma.

Atualmente, as ligas do trauma se dividem por regiões: Norte, Nordeste, Centro-oeste, Sudeste, Sul e Internacionais. O médico Renato Lins,  cirurgião do trauma do HBDF, afirma que toda a equipe do hospital “vai aproveitar bastante essa oportunidade de divulgar o trauma, de estudar o trauma, que é uma doença tão importante para a gente e que mata tantos pacientes adultos jovens, e que a gente precisa ao máximo estudar isso e estar bem preparado para tratar da melhor maneira possível a nossa população do DF”. Lins vai moderar a discussão pós-palestras sobre trauma abdominal.

Leonardo Vitor, estudante de medicina da Unicamp, falou que os futuros médicos interessados em atuar no trauma estão muito felizes com o evento. “Está sendo muito interessante ouvir todos esses profissionais falarem sobre trauma, com tanto afinco sobre essa especialidade, sobre todos os casos que acontecem com eles todos os dias. Espero aprender muito mais com esses profissionais, hoje e amanhã”.

Para a coordenadora do evento, a médica especialista em cirurgia geral e cirurgia do trauma Dória Lazzarotto, o evento é organizado essencialmente para os acadêmicos do trauma. “Estamos aqui discutindo prevenção, discutindo trabalho em equipe na cirurgia do trauma. Está sendo um evento muito gratificante, que tem um propósito de desenvolver pessoas para atender esses pacientes que em sua maioria são jovens que acabam perdendo a vida, ou, muitas vezes, ficam incapacitados para ter sua qualidade de vida por causa da doença trauma”, explicou.

Juracy Cavalcante Lacerda Júnior, presidente do IgesDF, reforça a importância de um evento do porte do XXV CoLT e da visibilidade do Hospital de Base destacada na programação. “O HBDF é referência no serviço de trauma e conta com profissionais muito qualificados, é justo o destaque da unidade hospitalar. Além disso, parabenizo a organização pela 25ª edição de uma atividade para o compartilhamento e atualização de conteúdo de extrema relevância para os profissionais da área, sabendo sobretudo que reforça a melhoria dos serviços prestados à população”, finaliza o médico e gestor.

VEJA TAMBÉM
- Advertisment -

RECENTES