Terça-feira, Maio 7, 2024
InícioDestaquesSES moderniza a triagem das UBSs após pedidos do Sindate

SES moderniza a triagem das UBSs após pedidos do Sindate

Por Camilla Nunes

Na última quinta-feira (21/07), a secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, anunciou mudanças no atendimento de todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) do Distrito Federal. A partir desta semana, ao chegarem nas unidades os pacientes serão acolhidos por um enfermeiro da Família e da Comunidade.

De acordo com a pasta, a mudança tem como objetivo realizar uma escuta qualificada para o direcionamento dos serviços prestados na UBS.

A Atenção Primária tem sido uma das principais pautas do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem (Sindate), que após diversas visitas pode constatar como a atenção primária está precarizada nas UBS’s do Distrito Federal.

Deste modo, o Sindate criou a Campanha Foco na Atenção Primária, onde a direção está visitando todas as UBS’s do DF para verificar as condições de trabalho e também ouvir as demandas da categoria.

Em maio deste ano, a diretoria do sindicato se reuniu com a Coordenação da Atenção Primária. O objetivo da reunião era levar ao conhecimento da Secretária os primeiros resultados das pesquisas realizadas pelo Sindate em diversas UBS’s do Distrito Federal.

Leia a matéria na íntegra clicando aqui.

“Após essas visitas nas UBS’s pudemos perceber que as salas de acolhimento com Enfermeiros para realizar classificação de risco era uma das possíveis soluções. Fomos até a SES e solicitamos a implementação”, explicou a diretora do Sindate, Josy Jacob.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o treinamento das equipes de enfermagem já está sendo realizado e além disso, acreditam que o novo formato de atendimento vai dar mais celeridade no atendimento aos pacientes.

A diretora, Isa Leal, frisa que essa readequação na Atenção Primaria é um passo importante para melhorarmos o processo de trabalho, e pontua que: “Vamos acompanhar de perto essa mudança e sua efetivação”.

Josy Jacob ressalta que: “A luta não vai parar. Sindate vai continuar cobrando melhorias para a Atenção Primária de Saúde”.

VEJA TAMBÉM
- Advertisment -

RECENTES