Sábado, Julho 13, 2024
InícioSAÚDEDiretor do hospital de Ceilândia é exonerado do cargo dois meses após...

Diretor do hospital de Ceilândia é exonerado do cargo dois meses após nomeação

Thalita Vasconcelos e Marc Arnoldi

Apenas dois meses após ser nomeado para a Direção do Hospital Regional de Ceilândia (HRC), o cirurgião-geral Renato Medeiros de Souza foi exonerado do cargo, nesta sexta-feira (21/7). A decisão consta no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta manhã.

O documento apresenta o nome do alergologista Márcio Miranda dos Santos como substituto. O médico também ocupará o cargo de diretor da Superintendência da Região de Saúde Oeste do Distrito Federal.

Imagem mostra trecho de decisão do DODF
Exoneração de diretor do HRC saiu no DODF desta sexta-feira (21/7) – Reprodução/DODF

Em janeiro de 2019, Renato Sérgio havia sido nomeado para assumir a Direção do HRC, porém a decisão acabou tornada sem efeito em junho do mesmo ano, sem justificativa no DODF. O cirurgião-geral retornou ao cargo em 9 de maio último.

Exoneração de diretor administrativo

Em novembro de 2022, o diretor administrativo da Superintendência da Região Oeste de Saúde foi exonerado do cargo, após ser denunciado por assediar sexualmente uma prestadora de serviços do HRC. Com cargo público de natureza especial, Alcione Pimentel Barros, 46, era servidor de carreira, na função de técnico em hemoterapia e hematologia.

A prestadora de serviços relatou que sofreu o assédio após procurar Alcione para pedir ajuda na transferência do avô dela para uma unidade de terapia intensiva (UTI).

O paciente estava internado, e a funcionária do HRC tentava uma vaga para o idoso no hospital em que trabalhava.

VEJA TAMBÉM
- Advertisment -

RECENTES